20
jan

Resenha | A Escolha – Kiera Cass

Categorias: Livros

Oi gente!

Essa é a primeira resenha literária do ano, mas o livro foi lido ainda em 2015 (mostrei minha lista de leitura nesse post AQUI). Como eu sou fã dessa série e quero incentivar o maior número de pessoas possíveis a lerem esses livros, compartilho com vocês, mesmo um pouco atrasada, algumas das minhas impressões sobre A Escolha, de Kiera Cass.

Resenha A ESCOLHA (1)

Título: A Escolha / Autor (a): Kiera Cass / Editora: Seguinte

Páginas: 352 / Série: A Seleção / Skoob: Adicione / Minha avaliação: ★★★★★

Sinopse: America era a candidata mais improvável da Seleção: se inscreveu por insistência da mãe e aceitou participar da competição só para se afastar de Aspen, um garoto que partira seu coração. Ao conhecer melhor o príncipe, porém, surgiu uma amizade que logo se transformou em algo mais… No entanto, toda vez que Maxon parecia estar certo de que escolheria America, algum obstáculo fazia os dois se afastarem. Um desses obstáculos era Aspen, que passou a ocupar o posto de guarda no palácio e estava decidido a reconquistar a namorada. Em encontros proibidos, ele a reconfortava em meio àquele mundo de luxos e rivalidades. Com essas idas e vindas, America perdeu um pouco de espaço no coração do príncipe, lugar que foi prontamente ocupado por outra concorrente. Para completar, o rei odiava America e a considerava a pior opção para o filho. Assim, tentava sabotar a relação dos dois, inventando mentiras e colocando a garota em prova a todo instante. Agora, para conseguir o que deseja, America precisa cortar os laços com Aspen, conquistar o povo de Illéa e conseguir novos aliados políticos. Mas tudo pode sair do controle quando ela começa a questionar o sistema de castas e a estratégia usada para lidar com os ataques rebeldes.

Resenha A ESCOLHA (2)

Pra quem ainda não conhece, A Escolha é o terceiro livro da série A Seleção, uma distopia em que a população é dividida por castas, o governo é monarca e o príncipe escolhe sua futura rainha através de um concurso televisionado que reúne trinta e cinco garotas de Illéa. Nos livros anteriores conhecemos as candidatas da Seleção, o príncipe e sua família, o sistema de governo, vimos alguns ataques rebeldes e fomos surpreendidos com um perigoso triângulo amoroso. É somente nesse volume da série que vamos descobrir quem vai ficar com a coroa e com o coração do príncipe Maxon.

Logo no início do livro, America parece estar super decidida a ficar com Maxon e lutar por aquilo que acredita, mas com tantas guerras políticas, intrigas e mentiras, não tem como ter certeza de que eles realmente ficarão juntos, por mais previsível que o final possa parecer. Ficamos tão angustiados com as dúvidas dos protagonistas, que chega a causar um pouco de irritação. Outra coisa que me incomodou um pouco foi o fato de os dois serem extremamente orgulhosos em relação aos seus sentimentos. De qualquer forma, não tem como não amar Maxon e torcer por esse casal.

E esquecendo um pouco do romance, em A Escolha, a autora dá mais atenção a distopia em si. Claro que o romance Maxon-America-Aspen continua sendo o foco da série, mas nesse volume mergulhamos muito mais nas questões políticas e sociais do país.

Resenha A ESCOLHA (3)

Resumindo: eu gostei muito de todos os livros da série. A Escolha em especial me fez sentir várias emoções diferentes; sorri, chorei, torci, me irritei, me alegrei… enfim, acho incrível como uma autora consegue causar todas essas sensações em um leitor, por isso e por tantos outros motivos, eu passei a amar Kiera Cass. A forma que ela escreve é fascinante! De não largar o livro até ele acabar. Por falar nisso, fiquei bem satisfeita com o desfecho dos personagens. Acredito que foi um final justo para os fãs da série. Ficaram algumas dúvidas mal respondidas, mas nada que me fizesse mudar de opinião. A série é MARAVILHOSA e agora só me resta muita saudade.

“Eu o amava. Era incapaz de apontar precisamente o motivo de tanta certeza, mas soube na hora, com a mesma certeza com que sabia meu nome ou a cor do céu ou qualquer coisa escrita em um livro.” Página 95

 

ME ENCONTRE TAMBÉM AQUI:

Instagram ❤ Facebook ❤ Google + ❤  Pinterest ❤ Skoob ❤ Twitter ❤  YouTube

Um super beijo, fiquem com Deus!

30
nov

Contos da Seleção – O Príncipe e o Guarda – Kiera Cass

Categorias: Livros

Vocês já devem ter percebido que os livros da Kiera Cass tem ganhado um espaço especial aqui no blog. Isso porque eu me apaixonei perdidamente por essa série e só vou descansar quando conseguir ler todos os livros. Dessa vez, vou falar sobre os Contos da Seleção, que mostra um pouco da história de A Seleção e A Elite, narrados pelo ponto de vista de Maxon e Aspen, respectivamente.

Contos da seleção 01

Sinopse: Os dois contos que se passam no universo criado por Kiera Cass, autora da trilogia A Seleção, agora estão disponíveis em edição impressa. Em O príncipe e O guarda, o leitor pode acompanhar de perto os pensamentos e emoções dos dois homens que lutam pelo amor de America Singer.

Antes de America chegar ao palácio, já havia outra garota na vida do príncipe Maxon. O conto O príncipe não só proporciona um vislumbre das reflexões de Maxon nos dias que antecedem a Seleção, como também revela mais um pouco sobre a família real e as dinâmicas internas do palácio. Descobrimos como era a vida do príncipe antes da competição, suas expectativas e inseguranças, assim como suas primeiras impressões quando as trinta e cinco garotas chegam.

Para America, a vida antes da Seleção também era muito diferente. A começar pelo fato de que ela estava completamente apaixonada por um garoto chamado Aspen Leger. Criado como um Seis, ele nunca imaginou que acabaria se tornando membro da guarda do palácio. Em O guarda, acompanhamos Aspen a partir do momento que o grupo de trinta e cinco garotas da Seleção é reduzido para a Elite, conhecemos sua rotina dentro das paredes da casa da família real – e as verdades sobre esse mundo que America nunca chegou a conhecer.

Contos da seleção 02

O primeiro conto é o do príncipe Maxon, e ele começa antes de acontecer a Seleção. Nesse conto, entendemos um pouco do relacionamento de Maxon com sua a família, sua “amizade” com uma garota chamada Daphne e, principalmente, suas expectativas e dúvidas quanto ao concurso. Depois, a Seleção começa e somos apresentamos à mesma história do início da série, o que pode parecer cansativo, mas acreditem, não é. Pelo contrário, saber dos mesmos acontecimentos narrados agora por um outro personagem é mais prazeroso ainda, porque podemos tirar outras conclusões sobre a história. No meu caso, só fez triplicar o meu amor por Maxon. Sempre achei o príncipe perfeito e não escondo que ele é o meu preferido!

 

“…Evidentemente, America era alguém que eu precisaria conquistar, e isso levaria tempo. Mas eu começaria naquele exato momento.” Maxon, página 55

 

“Sorria comigo mesmo pensando em America. Comparava-a com as outras. Ela era linda, ainda que um pouco rústica. Era uma beleza incomum, e pude reparar que ela não tinha consciência disso. Ela não parecia ter nenhum ar de realeza, embora talvez houvesse algo de nobre em seu orgulho. E, claro, ela não nutria qualquer desejo por mim. Ainda assim, não conseguia me livrar do impulso de ir atrás dela.” Maxon, Página 75

 

” – O senhor deve gostar mesmo dela – Seymour disse enquanto saía, empurrando a arara pelo corredor. 

Não respondi, mas pensei nisso ao fechar a porta. Havia algo nela… Mesmo seu jeito de não gostar de mim era atraente. Não pude evitar um sorriso.” Maxon, página 86

Contos da seleção 03 o príncipe e guarda

O conto narrado por Aspen acontece em meio à Elite, naquele momento “conturbado” do livro, em que America fica super fragilizada com o destino de Marlee e com o suposto caráter falso de Maxon. Aspen está cada vez mais decidido a reconquistar America e faz questão de demonstrar o quanto a ama. Pela visão do guarda, também temos a oportunidade de entender o funcionamento do palácio, já que é a primeira fez que um funcionário narra a história. Também vemos o quanto ele é uma pessoa boa, o quanto se importa com as outras pessoas, como seus colegas soldados, sua família e as criadas de América. Mesmo assim, ainda sou só amores por Maxon!

“Não sabia explicar. Não existiam palavras grandes o suficiente para conter o que eu sentia por ela. Nem mesmo eu conseguia entender tudo aquilo.” Aspen, Página 138

“Não sei se posso desfazer minhas escolhas, Meri. Não sei se voltaremos a ser como antes. Mas não vou deixar de tentar. Eu vivo por você – disse, dando de ombros. – Você é a única coisa pela qual eu já quis lutar.” Aspen, Página 193

 

O livro ainda conta com três capítulos de A Escolha, as árvores genealógicas de America, Aspen e Maxon  (e alguns comentários da autora), as playlists oficiais de A Seleção e A Elite (muito massa!), a lista das castas, uma lista completa de todas as selecionadas e uma entrevista com Kiera Cass sobre a série (achei o máximo!). Ou seja, se você é fã da série, provavelmente vá amar essa edição!

Acho que nem preciso mencionar o quanto recomendo essa leitura, né?

Não deixem de me contar o que vocês acharam 🙂

 

 

ONDE COMPRAR:

Amazon – AmericanasCulturaSubmarino

ME ENCONTRE TAMBÉM AQUI:

Instagram ❤ Facebook ❤ Google + ❤  Pinterest ❤ Skoob ❤ Twitter ❤  YouTube

Um super beijo e uma ótima semana!

24
nov

Resenha: A Elite – Kiera Cass

Categorias: Livros

Oi gente!!!

To atrasada com essa resenha. Já faz algumas semanas que li A Elite, mas confesso que America me irritou um pouco nesse livro, e não fiquei muito entusiasmada em escrever logo sobre isso. De qualquer forma, a leitura é super válida pra quem gostou do primeiro livro, A Seleção (já fiz resenha  AQUI) e claro, essencial pra quem quer chegar ao final da série.

OBS: Pode conter alguns spoilers de A Seleção.

A Elite - Kiera Cass (1)

Sinopse: A Seleção começou com 35 garotas. Agora restam apenas seis, e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Mas sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda, ela sente que é nele que está o seu conforto. Porém, enquanto ela está às voltas com o seu futuro, o resto da Elite sabe exatamente o que quer — e ela está prestes a perder sua chance de escolher.

A Elite - Kiera Cass (2)

No final de A Seleção, vimos que Aspen foi morar no palácio e que Maxon dispensou vinte e nove garotas da competição, resumindo suas opções à Elite, composta pelas seis garotas restantes, entre elas, America.

Logo no começo do livro, Maxon se mostra muito apaixonado por America. Ele deixou isso claro várias vezes, desde a Seleção. Inclusive, se America confessasse que se importava com ele assim como ele se importava com ela, a competição estaria acabada. America teve a oportunidade que qualquer outra garota da Elite queria, mas com Aspen trabalhando como guarda no palácio, ela estava totalmente confusa quanto aos seus sentimentos.

“Era impossível. Eu tinha que escolher. Aspen ou Maxon? Mas como decidir se qualquer escolha deixaria parte de mim destruída? Me consolei com o pensamento de que ainda tinha tempo. Eu ainda tinha tempo.” 

Além de estar com o coração dividido, America ainda se questiona sobre o cargo de futura rainha, sobre os seus verdadeiros princípios (ela não concorda com algumas regras impostas pelo palácio), sobre o caráter de Maxon e sobre as questões políticas do país. Isso sem mencionar os constantes ataques rebeldes que eles sofrem no palácio, e que a fazem repensar se realmente vale a pena toda essa competição. Devido a tudo isso e a um acontecimento específico que não posso revelar, America fica mais distante do príncipe. E Maxon, por sua vez, se aproxima de uma outra candidata, afinal, ele precisa encontrar uma esposa e não pode ficar esperando a vida inteira que America decida se o ama, se quer ser sua esposa e assumir o cargo real. E então outros personagens e temas ganham mais destaque na trama.

” – Mas o que você não ganhou ainda é a minha confiança. – ele continuou.

Perdi o chão.

– O quê?

– Mostrei tantos segredos meus, defendi você de todos os modos possíveis. Mas quando você não está contente, faz coisas irresponsáveis. Me exclui, me culpa ou, ainda mais impressionante, tenta mudar o país inteiro.”

A Elite - Kiera Cass (3)

America se envolve numa série de acontecimentos que a distanciam da coroa, além de diminuir a sua popularidade e despertar a ira do rei. É quase impossível não ficar brava com America nesse livro. Ela tinha tudo pra ser a escolhida e, desastrosamente, se torna uma das candidatas mais improváveis. Ai ai America! Mas mesmo com toda essa confusão, a raiva com a protagonista é momentânea, pois todos esses conflitos internos e políticos em que ela se envolve, nos ajudam a conhecer ainda mais a personalidade forte e autêntica dela.

Como todos os outros livros da série, a história é narrada em primeira pessoa e a leitura é muito fluida, rápida. A autora tem uma narrativa excelente e, nesse livro, nos fez viver intensamente fortes emoções. Tinha hora que eu tinha tanta pena da America, e em outros momentos eu tinha raiva. O mesmo acontecia com o príncipe (preciso dizer que sou fã dele!) Era como se eu estivesse na pele dos personagens, algo bem real, e acho incrível um autor conseguir passar tanta emoção através de palavras. Então, obrigada Kiera Cass por existir! E obrigada por ter criado uma história tão incrivelmente envolvente!

Fica aí a dica pra você que se interessou pela série: é melhor comprar todos os livros de uma vez, porque você não vai aguentar de ansiedade pra descobrir o final.

Me contem aqui se vocês já leram pra gente fazer aquela #fofocaliteraria haha 🙂

 

ONDE COMPRAR:

AmazonAmericanasCulturaSaraivaSubmarino

ME ENCONTRE TAMBÉM AQUI:

Instagram ❤ Facebook ❤ Google + ❤  Pinterest ❤ Skoob ❤ Twitter ❤  YouTube

Um super beijo, fiquem com Deus!

Páginas12

Helen Dutra - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2018